Arrow
Arrow
Slider

11ª Edição do Prémio Boas Práticas em Saúde

Apresentação de candidaturas de 18 de abril a 22 de maio de 2017

A Associação Portuguesa para o Desenvolvimento Hospitalar (APDH), a Direção-Geral da Saúde (DGS), a Administração Central do Sistema de Saúde, IP (ACSS) e as Administrações Regionais de Saúde (ARS), após dez anos de desenvolvimento de uma parceria extremamente positiva, ao longo dos quais têm sido distinguidas boas práticas em saúde, vão dar continuidade à iniciativa através da organização de mais uma edição anual do Prémio de Boas Práticas em Saúde (PBPS) – a 11ª edição.  O prazo para apresentação de candidaturas vai decorrer entre 18 de abril e 22 de maio de 2017.

A atribuição do PBPS visa distinguir e premiar o trabalho dos profissionais ou equipas em serviços/unidades de saúde que, no seu quotidiano, desenvolvam projetos com qualidade e inovação e que, respeitando as normas instituídas, representem um valor acrescentado para o cidadão/comunidade ou para as práticas da organização, com reflexo direto na prestação de cuidados de saúde, podendo ser consideradas como boas práticas em saúde.

O Prémio Boas Práticas em Saúde, tem como principal objetivo dar a conhecer as boas práticas, com vista a replicar as mais-valias para o bom desempenho do Sistema de Saúde. Pretende-se suscitar o desenvolvimento de ações de mudança, reunindo as condições mais favoráveis, a fim de poderem constituir-se em casos de excelência, ilustrando Boas Práticas a generalizar.

A edição do ano de 2017 terá como tema:

  • Inovação Organizacional nos Cuidados de Saúde:

o Na Promoção;

o Na Prevenção;

o Na Prestação.

Podem apresentar candidatura ao PBPS, as Instituições de saúde dos setores público, privado ou social, incluindo pessoas singulares, colaboradores dessas Instituições, se devidamente mandatados, ou outras Instituições, desde que o projeto se enquadre em atividades relacionadas com a prestação de cuidados de saúde, e esteja constituída uma parceria com uma Instituição de saúde.

O processo de seleção e apuramento dos vencedores tem várias fases, conforme consta do regulamento. Os projetos finalistas serão nomeados para apresentação oral no Encontro de Boas Práticas em Saúde e concorrerão à atribuição do prémio Melhor Projeto – 1º lugar e, com atribuição de menção honrosa ao segundo classificado. Aos projetos não finalistas mas aos quais for reconhecido mérito pela Comissão Científica, será dirigido um convite para apresentação de poster científico e concorrerão à atribuição do prémio Melhor Poster e, de menção honrosa ao segundo classificado.

As candidaturas deverão ser submetidas on-line, em formulário disponível para o efeito, no sítio do Prémio Boas Práticas em Saúde – www.boaspraticasemsaude.com, onde também se encontram outras informações adicionais, concretamente o regulamento, que contempla de forma explícita os requisitos de admissão ao Prémio, assim como os motivos de exclusão, métodos de seleção e critérios de análise.

A DGS, a ACSS, as ARS e a APDH convidam os profissionais e equipas de saúde dos setores público, privado e social a apresentarem projetos que representem boas práticas enquadradas no tema atrás referido selecionado para 2017. No website acima referido constam os interlocutores designados em cada uma das Instituições parceiras e seus contactos, os quais se encontram disponíveis para apoiar a instrução dos processos e clarificação de eventuais dúvidas.

O Encontro para apresentação dos projetos nomeados, exposição de posters e entrega dos Prémios, terá lugar em data a divulgar oportunamente.

Para mais informações consultar aqui: 11ª Edição do Prémio de Boas Práticas em Saúde 2017

Fonte: Informação nº 3/2017 de 13 de abril 2017

11ª Edição do Prémio Boas Práticas em Saúde
Voltar
Area Cidadão