Saúde Pública

livre_sua_vida_tabaco_2013Na Região do Algarve, quem queira deixar de fumar e necessite de ajuda para tal, pode dirigir-se à sua Equipa de Família na Unidade do Centro de Saúde em que se encontre inscrito e solicitar apoio nesse sentido.

Sempre que necessário, a Equipa de Família conta com a colaboração de técnicos de consultas de apoio intensivo à cessação tabágica, em funcionamento nas Unidades de Saúde dos três Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES) (Barlavento, Central e Sotavento) e no Hospital de Faro.

Estas consultas implicam cuidados de saúde específicos para os fumadores activos que pretendem deixar de fumar e manifestam especial dificuldade.

As equipas são sempre compostas por 1 médico e 1 enfermeiro, sendo que em caso de necessidade poderá recorrer-se a outros profissionais, como por exemplo psicólogo, nutricionista/dietista e higienista oral.

A ARS Algarve, I.P., na área do Tabagismo tem como objetivos:

diminuir a incidência e a prevalência do tabagismo na população residente dando especial atenção à prevenção do consumo do tabaco entre as crianças e os jovens em idade escolar e mulheres grávidas

contribuir para o aumento do número de ambientes livres de fumo do tabaco

Isto representa, a médio prazo, ganhos significativos em saúde, pela redução da prevalência de doenças em que o tabagismo é um fator de risco reconhecido e diminuição dos custos económicos, individuais e sociais que lhe estão associados.

Consultar horário e locais de consultas de apoio intensivo à cessação tabágica na Região do Algarve:

Consultas de Apoio Intensivo à Cessação Tabágica no Agrupamento de Centros de Saúde do Barlavento  – (atualizado em dezembro de 2016)

Consultas de Apoio Intensivo à Cessação Tabágica no Agrupamento de Centros de Saúde Central – (atualizado em setembro de 2016)

Consultas de Apoio Intensivo à Cessação Tabágica no Agrupamento de Centros de Saúde do Sotavento – (atualizado em agosto de 2016)

Parar de fumar é possível e benéfico independentemente da idade, género e em pessoas com ou sem doenças relacionadas com o tabaco, mas os benefícios são tanto maiores quanto mais cedo parar. Quem considerar que não consegue deixar de fumar sozinho deve pedir ajuda ou obter apoio através de:

– equipa da sua Unidade de Saúde;

– linha Saúde 24 – 808 24 24 24;

– SOS Deixar de Fumar – 808 20 88 88;

– “Os ex-fumadores são imparáveis” – www.exsmokers.eu/pt-pt;

www.deixar.net

Recaídas não são motivo para desistir, deve continuar a tentar.

Material informativo:

Folheto Está a deixar de fumar…e o aumento do peso é uma preocupação – Departamento de Saúde Pública e Planeamento da ARS Algarve IP

Folheto para os jovens: Fumar apaga-te – Escolhe ser livre! – Departamento de Saúde Pública e Planeamento da ARS Algarve IP

Flyer Livre a Sua Vida do Tabaco – Departamento de Saúde Pública e Planeamento da ARS Algarve IP

Mais informações:

Microsite do Tabaco – Direcção Geral da Saúde – Programa Nacional para a Prevenção e Controlo do Tabagismo ( Campanhas e materiais de informação) 

Tabagismo – Livre a sua Vida do Tabaco

Organização Mundial da Saúde – World No Tobacco Day

Convenção Quadro da Organização Mundial da Saúde para o Controlo do Tabaco

Lei do Tabaco

 

Tabagismo - Livre a sua Vida do Tabaco

O tabagismo caracteriza-se pela dependência física e psicológica do consumo de nicotina, substância presente no tabaco. O fumo de tabaco é constituído para além da nicotina por mais cerca de 4 mil substâncias, algumas com efeitos tóxicos e irritantes e cancerígenos.

De acordo com estimativas da OMS, o tabaco mata cerca de 6 milhões de pessoas anualmente, cerca de 5 milhões como consequência deste consumo e mais de 600 000 não fumadores expostos ao fumo ambiental.

O consumo de tabaco – ativo e passivo é considerado como a principal causa evitável de morte prematura e uma das principais causas de morbilidade e mortalidade, constituindo um dos mais graves problemas de saúde pública.

 

Vantagens de deixar de fumar

Parar de fumar é benéfico em qualquer idade, seja qual for o sexo e em pessoas com ou sem doenças relacionadas com o tabaco, mas os benefícios são tanto maiores quanto mais cedo se deixar de fumar.

Uma vez finalizado o consumo de tabaco:

  • 20 minutos depois o ritmo cardíaco baixa;
  • 12 horas depois o monóxido de carbono do sangue atinge os valores normais;
  • 2 semanas a 3 meses depois, o risco de ocorrência de enfarte desce e melhora a função pulmonar;
  • 1 a 9 meses depois a tosse e falta de ar diminuem;
  • 1 ano depois o risco de doença coronária é metade da de um fumador;
  • 5 anos depois o risco de AVC fica igual ao de um não fumador;
  • 10 anos depois, o risco de cancro do pulmão diminui para cerca de metade do risco verificado nas pessoas que continuam a fumar. O risco de cancro da boca, faringe, esófago, bexiga, rim e pâncreas também diminui.
  • 15 anos depois o risco de doença coronária é igual ao de um não fumador.

Para além de benefícios para a saúde, parar de fumar melhora de forma gradual o paladar e o olfato, o tom e o aspeto da pele e desparece o cheiro do tabaco no hálito e na roupa. Deixar de fumar permite poupar dinheiro diariamente que poderá investir de forma mais saudável e que lhe dê prazer.

 

Algumas dicas para ajudar a deixar de fumar

  • A motivação é o primeiro passo para deixar de fumar, faça uma lista dos motivos pelos quais acha que deve deixar de fumar.
  • Identifique as situações em que fuma habitualmente e evite-as
  • Escolha o dia/momento em que vai deixar de fumar que pode ser um dia especial como o aniversário, férias, gravidez ou simplesmente o início do fim de semana.
  • Avise a família, amigos e colegas de trabalho das suas intenções e peça-lhes ajuda.
  • Guarde diariamente, num local bem visível o dinheiro que teria gasto em tabaco e ofereça a si mesmo um presente
  • Retire de casa e/ou do carro o tabaco, cinzeiros, isqueiros ou fósforos, ou pelo menos coloque-os num local de difícil acesso.
  • Pratique exercício físico regular (pelo menos andar a pé…).
  • Numa primeira fase evite ocasiões que aumentem a vontade de fumar (jantares, festas, reuniões sociais, serões em frente da televisão…).
  • O desejo de fumar aparece em intervalos regulares, nessa altura respire fundo, beba água, levante-se do sítio onde está sentado que a vontade de fumar passará.

Por vezes deixar de fumar sem ajuda é mais difícil por isso, se acha que não consegue deixar de fumar sozinho peça ajuda aos profissionais de saúde do seu Centro de Saúde e/ou tente obter apoio através da linha Saúde 24 – 808 24 24 24 ou SOS deixar de fumar 808 20 88 88.

Enf. Manuela Soares

Departamento de Saúde Pública e Planeamento da ARS Algarve,IP

Area Cidadão