rastreio retinopatia diabética
frio_2024
banners_site_saudepalavras_2
banner_PRR_site1
banners_antibioticos2022
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
AFr-SNS-vacinacao-formato-banner
previous arrow
next arrow

Dia Mundial da SIDA 2023: As Comunidades na Liderança

“As Comunidades na Liderança” é o lema das comemorações de 2023 do Dia Mundial da SIDA que se assinala a 1 de dezembro. Com o lema deste ano, a ONU SIDA pretende alertar para a importância das comunidades das pessoas que vivem com a infeção e das que se encontram em situação de maior vulnerabilidade, na liderança da resposta à infeção em todos os níveis, rumo ao cumprimento da meta de acabar com a SIDA enquanto ameaça de saúde pública.

As comunidades são essenciais na prevenção, diagnóstico e ligação aos cuidados de saúde, no combate ao estigma e discriminação, e na defesa dos direitos humanos das pessoas que vivem com a infeção.

Garantem, também, o estabelecimento de relações de confiança entre os pares, inovam nas suas respostas, monitorizam a implementação de políticas e estratégias, e exigem responsabilidades aos decisores e prestadores de serviços.

Sob o mote “As Comunidades na Liderança”, a Direção-Geral da Saúde (DGS), através do Programa Nacional para as Infeções Sexualmente Transmissíveis e Infeção pelo VIH, tal como em anos anteriores, convidou as 11 cidades na via rápida para acabar com a epidemia de VIH a assinalar o Dia Mundial da Sida, através da iluminação de um ou mais edifícios das suas cidades com cor vermelha, na noite de 1 para 2 de dezembro.

A DGS reforça ainda a importância de garantir o adequado financiamento das intervenções de base comunitária, e o cumprimento dos direitos das pessoas que vivem com o VIH e das populações mais vulneráveis.

Na região, a ARS Algarve tem, ao longo dos anos, facilitado o acesso ao diagnóstico precoce, disponibilizando a possibilidade de realização de testes rápidos VIH em vários contextos:

  • No Centro de Aconselhamento e Deteção Precoce da Infeção VIH (CAD) em Faro;
  • Em todos os Centros de Saúde/Unidades Funcionais de Saúde dos ACeS Barlavento, ACeS Central e ACeS Sotavento;
  • Nas Equipas Técnicas Especializadas de Tratamento do DICAD (Divisão de Intervenção nos Comportamentos Aditivos e nas Dependências);
  • Na Comunidade, utilizando-se Unidades Móveis dos serviços de saúde e realizando-se intervenções em parceria com a Associação para o Planeamento da Família e o Movimento de Apoio à Problemática da SIDA.

Portugal com tendência decrescente de novos casos de infeção por VIH desde 2000

Em 2022 foram diagnosticados 804 novos casos de infeção por VIH, o que representa uma tendência decrescente que já se verifica desde o ano 2000, de acordo com o Relatório Infeção por VIH em Portugal – 2023, apresentado pela Direção-Geral da Saúde (DGS) e pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA).

O documento, que faz o retrato sobre a evolução da infeção em Portugal e é apresentado na semana em que se assinala o Dia Mundial da SIDA, dá nota da redução de 56% no número de novos casos de infeção por VIH e de 74% em novos casos de SIDA entre 2013 e 2022.

Consultar: Relatório VIH e SIDA em Portugal 2023

Fonte: Direção Geral da Saúde

Dia Mundial da SIDA 2023: As Comunidades na Liderança
Voltar
RSE - Area Cidadão