Apoio Psicológico a utentes e profissionais covid -19
banner_receitas poéticas
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_verao&saude_sns
banner_vacinacao_covid
covid_regras_2
banner_GABINETESAUDEMENTAL_covid19_3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Apresentação da análise qualitativa das Ementas Escolares no Algarve

Os resultados da avaliação comparativa da análise qualitativa das ementas escolares no Algarve, referente aos anos lectivos 2004/2005 e 2006-2007, realizada no âmbito Programa de Promoção da Qualidade Nutricional das Refeições em Estabelecimentos de Educação, foram apresentados na segunda feira dia 10 de Março de 2008, no auditório da CCDRAlg.

 

Com o objectivo de promover hábitos alimentares saudáveis na população escolar e melhorar a qualidade nutricional das refeições fornecidas em todas as escolas da rede pública, a equipa de nutricionistas e dietistas da Administração Regional de Saúde do Algarve, I.P. desde 2005 têm vindo a desenvolver um programa de intervenção na comunidade escolar regional, sendo único no seu género a nível de todo o país.

Neste sentido, na última avaliação, foram avaliadas 14862 ementas provenientes de 276 escolas do ensino Pré-escolar, Básico e Secundário.

Os dez critérios de análise referem-se aos aspectos qualitativos da sopa, em termos de fornecimento de produtos hortícolas, hortaliças e leguminosas; à qualidade nutricional do segundo prato no que diz respeito à presença de produtos hortícolas, leguminosas, pescado e respectiva confecção, bem como à qualidade da sobremesa proporcionada nas refeições.

De acordo com a Coordenadora Regional do Programa de Luta Contra a Obesidade da ARS Algarve,I.P., Dra Teresa Sancho, «os resultados são satisfatórios, na medida em que tivemos um incremento na taxa de cumprimento na ordem dos 32 por cento».

Salientando ainda que estes resultados «devem também ser encorajadores para melhorar alguns dos parâmetros que nos parecem estar menos bem, entre eles, as hortaliças na sopa e a questão dos produtos hortícolas a guarnecer sistematicamente os segundos pratos que são fornecidos nas cantinas.»

No que diz respeito aos critérios mais cumpridos, encontram-se «as percentagens baixas de fritos nas ementas e as sopas com produtos hortícolas».

De referir que os resultados observados e agora apresentados são reveladores do esforço empenhado de todas as instituições envolvidas, a Direcção Regional de Educação do Algarve, as Escolas EB2,3, as Escolas Secundárias e as Autarquias.

 Apresentação das Ementas Escolares

Os resultados da avaliação comparativa da análise qualitativa das ementas escolares no Algarve, referente aos anos lectivos 2004/2005 e 2006-2007, realizada no âmbito Programa de Promoção da Qualidade Nutricional das Refeições em Estabelecimentos de Educação, foram apresentados na segunda feira dia 10 de Março de 2008, no auditório da CCDRAlg.

 

Com o objectivo de promover hábitos alimentares saudáveis na população escolar e melhorar a qualidade nutricional das refeições fornecidas em todas as escolas da rede pública, a equipa de nutricionistas e dietistas da Administração Regional de Saúde do Algarve, I.P. desde 2005 têm vindo a desenvolver um programa de intervenção na comunidade escolar regional, sendo único no seu género a nível de todo o país.

Neste sentido, na última avaliação, foram avaliadas 14862 ementas provenientes de 276 escolas do ensino Pré-escolar, Básico e Secundário.

Os dez critérios de análise referem-se aos aspectos qualitativos da sopa, em termos de fornecimento de produtos hortícolas, hortaliças e leguminosas; à qualidade nutricional do segundo prato no que diz respeito à presença de produtos hortícolas, leguminosas, pescado e respectiva confecção, bem como à qualidade da sobremesa proporcionada nas refeições.

De acordo com a Coordenadora Regional do Programa de Luta Contra a Obesidade da ARS Algarve,I.P., Dra Teresa Sancho, «os resultados são satisfatórios, na medida em que tivemos um incremento na taxa de cumprimento na ordem dos 32 por cento».

Salientando ainda que estes resultados «devem também ser encorajadores para melhorar alguns dos parâmetros que nos parecem estar menos bem, entre eles, as hortaliças na sopa e a questão dos produtos hortícolas a guarnecer sistematicamente os segundos pratos que são fornecidos nas cantinas.»

No que diz respeito aos critérios mais cumpridos, encontram-se «as percentagens baixas de fritos nas ementas e as sopas com produtos hortícolas».

De referir que os resultados observados e agora apresentados são reveladores do esforço empenhado de todas as instituições envolvidas, a Direcção Regional de Educação do Algarve, as Escolas EB2,3, as Escolas Secundárias e as Autarquias.

 Apresentação das Ementas Escolares

Voltar
RSE - Area Cidadão