rastreio retinopatia diabética
Banner_SemanaTeste_2022
banners_antibioticos2022
i035812
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Cantinho da Amamentação de Lagos recebeu Declaração de Selo de Qualidade atribuído pela DGS e Associação Mama Mater

imagem

O Cantinho da Amamentação de Lagos, foi um dos 5 primeiros a nível nacional a obter a declaração de qualidade  pela Direcção Geral da Saúde em parceria com a Associação Mama Mater. A declaração foi formalmente entregue à Dra. Rosa Gonçalves, Directora Executiva do ACES Barlavento, no IV Encontro Nacional de Conselheiros realizado no Estoril dia 30 de Maio de 2009.

 

 

imagem

O Cantinho da Amamentação de Lagos, foi um dos 5 primeiros a nível nacional a obter a declaração de qualidade  pela Direcção Geral da Saúde em parceria com a Associação Mama Mater. A declaração foi formalmente entregue à Dra. Rosa Gonçalves, Directora Executiva do ACES Barlavento, no IV Encontro Nacional de Conselheiros realizado no Estoril dia 30 de Maio de 2009.

 

 

 

A Direcção Geral da Saúde e a Associação Mama Mater têm fomentado a criação de Cantinhos da Amamentação desde 2007, como espaços dinamizados por profissionais com habilitações próprias (curso de aconselhamento em aleitamento materno, 40h, OMS/UNICEF) que junto de mães/grávidas e suas famílias disponibilizam apoio específico com o objectivo de que cada mulher consiga concretizar o seu projecto de amamentar o seu filho.

 

Na avaliação dos Cantinhos da Amamentação são tidos em conta o projecto, o espaço físico, a divulgação, a existência de profissionais com formação específica, a integração na rede de cuidados de saúde materno-infantil, bem como a interacção com a sociedade civil, e o cumprimento/vigilância do código internacional de marketing de substitutos de leite materno, não esquecendo o registo da actividade e a sua estatística. A certificação obtém-se quando há cumprimento de pelo menos 85% dos indicadores de excelência.

 

A Dra. Fernanda Sardinha e a Enf.ª Carmo Pacheco, como dirigentes do Centro de Saúde de Lagos, reconheceram este programa como prioritário, apostando na sua dinamização bem como na formação dos seus profissionais. Em 2008 realizou-se nas instalações do Centro de Saúde um curso para 16 profissionais. A maioria dos enfermeiros e alguns médicos de família têm actualmente formação em aleitamento.

 

imagem

Em 20 de Junho de 2007 nasceu o Cantinho de Amamentação de Lagos. As Enfermeiras Anabela Santos (conselheira em Aleitamento Materno e responsável do Cantinho) e Ana Rodrigues (formadora em Aleitamento Materno) dinamizam este espaço, localizado na entrada da área clínica, junto aos módulos de consultas e com um horário alargado (9h às 18h30m) para maior acessibilidade das grávidas e mães/famílias que necessitam de apoio. A equipa conta ainda com mais duas conselheiras: a higienista oral Elsa Santos e a nutricionista Sara Andrade.

Além do atendimento individual das grávidas/mães e famílias para esclarecimento de dúvidas ou apoio no aleitamento materno, realizam-se sessões de educação para a saúde para grávidas, aulas de preparação para o parto. A precocidade do apoio às mães é dinamizada pela articulação com as equipas de família, e através da referência pela maternidade do CHBA das puérperas/RN que necessitam de cuidados especiais.

Houve ainda colaboração com a DGS no estudo preparatório da monitorização do aleitamento materno.

Desde a sua abertura e até Maio de 2009 foram atendidas no CAM de Lagos 236 mães/RN, tendo-se realizado 467 aconselhamentos (27% dos registos dos CAM da região), a maioria dos quais durante o primeiro mês após o parto (71%). Recorreram mais do que uma vez ao CAM 46% das mães.

 

As situações que mais frequentemente levaram à procura de aconselhamento foram a dificuldade na pega, dúvidas sobre a amamentação, como manter a amamentação no regresso ao trabalho, ingurgitamento mamário e lesão dos mamilos.

 

imagemDesde 2006 que o Programa de Protecção Promoção e Suporte ao Aleitamento Materno no Algarve (PAMA) surgiu como meio para implementar medidas regionais que facilitassem a melhoria dos indicadores actuais de aleitamento materno, as taxas de iniciação são elevadas (> 80%) mas também o são as taxas de abandono precoce, situação que não difere muito do panorama nacional.

 

A valorização deste programa pelo Dr Rui Lourenço, Presidente da ARS Algarve, IP, permitiu a criação de um grupo de formadores em Aconselhamento em Aleitamento Materno (OMS/UNICEF) no Algarve, a replicação de cursos (6 cursos de Aconselhamento e 13 Promoção do AM) envolvendo mais de 300 profissionais das maternidades e dos centros de saúde e a implementação dos Cantinhos da Amamentação (Outubro 2007).

A atribuição desta distinção ao CAM de Lagos espera-se que constitua motivação a dirigentes e conselheiros para que a Protecção, Promoção e Apoio ao aleitamento materno seja um programa prioritário, com acções contínuas e consistentes em toda a região.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

imagem
Voltar
RSE - Area Cidadão