Apoio Psicológico a utentes e profissionais covid -19
banner_receitas poéticas
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_verao&saude_sns
banner_vacinacao_covid
covid_regras_2
banner_GABINETESAUDEMENTAL_covid19_3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Despacho define Meios de emergência pré-hospitalares de suporte de vida do INEM e sua integração na rede de serviços de urgência

imagemFoi publicado em Diário da República, esta quinta-feira, dia 3 de Novembro, o despacho nº14898/2011 que define os meios de emergência pré-hospitalares de suporte avançado e imediato de vida do INEM, que actuam no âmbito do Sistema Integrado de Emergência Médica (SIEM), e as bases gerais da sua integração na rede de serviços de urgência.

 

 

Assim sendo, o presente despacho determina que os meios de emergência pré-hospitalar são os seguintes:

 

 

Viatura médica de emergência e reanimação (VMER) – integra uma equipa constituída por um médico e um enfermeiro, concebida para o transporte rápido de uma equipa médica directamente ao local onde se encontra o doente/sinistrado. Tem como objectivo a estabilização pré-hospitalar e o acompanhamento médico durante o transporte de doentes críticos, vítimas de acidente ou doença súbita em situações de emergência e dispõe de equipamento de suporte avançado de vida;

 

Ambulância de suporte imediato de vida (SIV) –  integra uma equipa constituída por um enfermeiro e um técnico de ambulância de emergência, concebida para o transporte com acompanhamento de vítimas de acidente ou doença súbita em situações de emergência. Tem como objectivos a estabilização pré-hospitalar, o transporte de doente crítico e dispõe de equipamento de suporte imediato de vida.

 

O diploma refere ainda que os meios de emergência pré -hospitalar referidos devem existir, obrigatoriamente, na rede articulada de serviços de urgência do Serviço Nacional de Saúde consoante os seguintes níveis diferenciados:

 

Os serviços de urgência polivalente (SUP) e os serviços de urgências médico-cirúrgica (SUMC) devem integrar uma VMER;

 

Os serviços de urgência básica (SUB) devem integrar uma ambulância SIV.

 

O despacho produz efeitos à data da sua publicação.

 

pdf_64x64.pngDespacho n.º 14898/2011, DR n.º 211 Série II, de 2011-11-03 – Define os meios de emergência pré-hospitalares de suporte avançado e imediato de vida do INEM, que actuam no âmbito do Sistema Integrado de Emergência Médica (SIEM), e as bases gerais da sua integração na rede de serviços de urgência.

imagemFoi publicado em Diário da República, esta quinta-feira, dia 3 de Novembro, o despacho nº14898/2011 que define os meios de emergência pré-hospitalares de suporte avançado e imediato de vida do INEM, que actuam no âmbito do Sistema Integrado de Emergência Médica (SIEM), e as bases gerais da sua integração na rede de serviços de urgência.

 

 

Assim sendo, o presente despacho determina que os meios de emergência pré-hospitalar são os seguintes:

 

 

Viatura médica de emergência e reanimação (VMER) – integra uma equipa constituída por um médico e um enfermeiro, concebida para o transporte rápido de uma equipa médica directamente ao local onde se encontra o doente/sinistrado. Tem como objectivo a estabilização pré-hospitalar e o acompanhamento médico durante o transporte de doentes críticos, vítimas de acidente ou doença súbita em situações de emergência e dispõe de equipamento de suporte avançado de vida;

 

Ambulância de suporte imediato de vida (SIV) –  integra uma equipa constituída por um enfermeiro e um técnico de ambulância de emergência, concebida para o transporte com acompanhamento de vítimas de acidente ou doença súbita em situações de emergência. Tem como objectivos a estabilização pré-hospitalar, o transporte de doente crítico e dispõe de equipamento de suporte imediato de vida.

 

O diploma refere ainda que os meios de emergência pré -hospitalar referidos devem existir, obrigatoriamente, na rede articulada de serviços de urgência do Serviço Nacional de Saúde consoante os seguintes níveis diferenciados:

 

Os serviços de urgência polivalente (SUP) e os serviços de urgências médico-cirúrgica (SUMC) devem integrar uma VMER;

 

Os serviços de urgência básica (SUB) devem integrar uma ambulância SIV.

 

O despacho produz efeitos à data da sua publicação.

 

pdf_64x64.pngDespacho n.º 14898/2011, DR n.º 211 Série II, de 2011-11-03 – Define os meios de emergência pré-hospitalares de suporte avançado e imediato de vida do INEM, que actuam no âmbito do Sistema Integrado de Emergência Médica (SIEM), e as bases gerais da sua integração na rede de serviços de urgência.

imagem
Voltar
RSE - Area Cidadão