rastreio retinopatia diabética
Banner_SemanaTeste_2022
banners_antibioticos2022
i035812
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Estudo da Entidade Reguladora de Saúde classifica o Algarve como a região onde há melhores condições gerais de acesso aos Centros de Saúde

imagemUm estudo da Entidade Reguladora de Saúde, intitulado «Estudo de Acesso aos Cuidados de Saúde Primários do SNS», que decorreu durante o ano de 2008, publicado 16 de Fevereiro, com o propósito de elaborar um diagnóstico sobre o acesso aos cuidados de saúde primários prestados pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS), considerou que a maioria dos utentes portugueses está globalmente satisfeita com o acesso aos Centros de Saúde do SNS, sem prejuízo de se terem detectado alguns aspectos menos positivos, como a baixa percentagem de utentes que marcou a sua consulta por telefone, e algum desconhecimento dos utentes relativamente ao funcionamento dos serviços dos Centros de Saúde.

imagemUm estudo da Entidade Reguladora de Saúde, intitulado «Estudo de Acesso aos Cuidados de Saúde Primários do SNS», que decorreu durante o ano de 2008, publicado 16 de Fevereiro, com o propósito de elaborar um diagnóstico sobre o acesso aos cuidados de saúde primários prestados pelo Serviço Nacional de Saúde (SNS), considerou que a maioria dos utentes portugueses está globalmente satisfeita com o acesso aos Centros de Saúde do SNS, sem prejuízo de se terem detectado alguns aspectos menos positivos, como a baixa percentagem de utentes que marcou a sua consulta por telefone, e algum desconhecimento dos utentes relativamente ao funcionamento dos serviços dos Centros de Saúde.

No que se refere às condições gerais de acesso estudadas por regiões, com particular atenção ao estudo das dimensões, da adequabilidade ” opinião dos utentes relativamente aos horários de funcionamento das consultas nos Centros de Saúde, ao tempo de espera pela consulta, quer desde a data da marcação até ao dia da consulta, quer desde a chegada ao Centro de Saúde no dia da consulta até ao início da consulta e aos procedimentos de marcação de consultas” e da aceitabilidade “avaliada a partir das respostas dos utentes a questões sobre o conforto da sala de espera, a higiene das instalações e a utilização de consultas de recurso”, o Estudo da ERS classifica o Algarve como a região onde há melhores condições gerais de acesso aos Centros de Saúde.

Tabela 27 – Índice global de acesso por SRS 

 

SRS

Índice
 de
 proximidade
(Max=2;min=0)
Índice
de
 capacidade
(Max=2;min=0)
Índice
de
adequabilidade
(Max=2;min=0)
Índice
de
aceitabilidade
(Max=2;min=0)

 

Índice
global de
acesso
(Max=8;min=0)

 

Faro

0

2

2

2

6

Coimbra

2

2

2

0

6

Castelo Branco

1

1

2

2

6

Beja

0

2

2

1

5

Aveiro

2

1

1

1

5

Leiria

2

0

1

1

4

Santarém

1

0

1

2

4

Braga

0

0

2

2

4

Portalegre

0

0

2

2

4

Viana do Castelo

0

2

1

1

4

Setúbal

0

2

0

1

3

Évora

0

2

0

1

3

Lisboa

0

2

0

1

3

Guarda

0

1

0

2

3

Porto

1

0

1

1

3

Vila Real

0

1

0

1

2

Bragança

0

0

0

2

2

Viseu

0

0

1

0

1

 

As conclusões agora apresentadas pelo estudo independente da Entidade Reguladora de Saúde, confirmam os benefícios da reforma dos serviços de saúde, em curso desde 2005, centrada na melhoria das condições de acesso aos Centros de Saúde, através da criação de Unidades de Saúde Familiar, da reorganização dos Centros de Saúde em Agrupamentos, e da requalificação da Rede de Urgência/Emergência e os resultados apresentados pelos Centros de Saúde do Algarve no ano de 2008, com o aumento do número consultas prestadas nos Centros de Saúde, mais de 1 milhão de consultas programadas, associadas à diminuição dos atendimentos verificados nos Serviços de Urgência da região, quer nos Serviços de Urgência do Hospital de Faro, EPE, e Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, EPE, (Portimão), quer nos Serviços de Urgência Básicos de Albufeira, Lagos, Loulé e Vila Real de Santo António, demonstrando o empenhamento de todos os profissionais dos Centros de Saúde do Algarve em prol da melhoria contínua dos serviços.

 

 

O Conselho Directivo da ARS Algarve

Faro, 2009-02-19

Consultar:

 

imagemEstudo de Acesso aos Cuidados de Saúde Primários do SNS

imagem Estudo de Acesso aos Cuidados de Saúde Primários do SNS – Sumário Executivo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Tabela 27 – Índice global de acesso por SRS

imagem
Voltar
RSE - Area Cidadão