rastreio retinopatia diabética
frio_2024
banners_site_saudepalavras_2
banner_PRR_site1
banners_antibioticos2022
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
AFr-SNS-vacinacao-formato-banner
previous arrow
next arrow

GASMI de Lagos promove a equitação terapêutica no «Clube de Natal»

O Grupo de Apoio à Saúde Mental Infantil (GASMI) do Centro de Saúde de Lagos, integrante do Agrupamento de Centros de Saúde (ACS) Barlavento, realiza, nos dias 15 e 22 de dezembro de 2014, o «Clube de Natal» destinada às crianças utentes daquela unidade de saúde, tendo com a temática principal a equitação terapêutica.

A Equitação, hoje em dia, é considerada um divertido e estimulante desafio. Desafio esse motivado pela relação que se cria entre o cavaleiro, o cavalo e pelas gratificações pessoais e sociais que caracterizam o meio onde é desenvolvida esta atividade.

Se a este quadro aplicarmos conceitos, técnicas e objetivos terapêuticos, facilmente transpomos a Equitação da sua área desportiva clássica para a área da reabilitação colhendo importantes contributos terapêuticos a nível motor, cognitivo, social e emocional. A Equitação com fim Terapêuticos torna-se assim uma intervenção dinâmica, num ambiente estimulante e descontraído. A escolha do cavalo, deve-se ao facto de:

– O seu andamento a passo produzir cerca de 60 a 75 movimentos tridimensionais por minuto, equivalentes aos da marcha humana neurofisiologicamente normal;

– A fisionomia do seu dorso proporcionar um correto posicionamento sentado;

– Propiciar ao Sistema Nervoso Central um grande aporte de estímulos sensoriais.

Características estas que, juntamente com o ambiente onde esta atividade se desenvolve, tornam o cavalo um agente facilitador, capaz de alterar respostas do Sistema Nervoso Central, facilitar padrões de postura e movimento mais normalizantes, promotores de vivências fundamentais para o desenvolvimento de competências Motoras, Cognitivas, Comunicativas e Psicossociais

Voltar
RSE - Area Cidadão