Apoio Psicológico a utentes e profissionais covid -19
banner_receitas poéticas
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_verao&saude_sns
banner_vacinacao_covid
covid_regras_2
banner_GABINETESAUDEMENTAL_covid19_3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Lançamento do primeiro prémio da UE para jornalistas no domínio da saúde, no quadro da campanha «A Europa dos Doentes»

A Comissão Europeia lança hoje o primeiro prémio da UE para jornalistas no domínio da saúde, visando em particular os artigos publicados na imprensa escrita e via Internet.

 

Este prestigiado prémio é, segundo um comunicado da Comissão Europeia emitido 17 de Fevereiro de 2009, um importante elemento da recente campanha «A Europa dos Doentes».

 

O prémio visa “distinguir e promover um jornalismo de elevada qualidade na área da saúde, em toda a Europa”, pretendendo ainda “incentivar e desenvolver o debate sobre as questões relativas à saúde na UE, em especial as iniciativas relacionadas com a campanha «A Europa dos Doentes»”.

 

A Comissária Europeia responsável pela Saúde, Androulla Vassiliou, declarou que «o prémio reconhece o papel crucial e a responsabilidade dos jornalistas ao divulgarem as acções e políticas de saúde da UE junto dos cidadãos europeus. As iniciativas desenvolvidas no âmbito da campanha «A Europa dos Doentes», como o rastreio do cancro, a segurança dos doentes, o transplante e a doação de órgãos, a utilização de antibióticos e os cuidados de saúde transfronteiriços, afectam-nos a todos e reflectem a necessidade para a Comissão de dar prioridade aos cidadãos. Espero que este prémio venha a estimular um debate tanto a nível local como nacional e europeu».

 

Serão considerados no âmbito do concurso “todos os artigos publicados na imprensa escrita ou Internet”, de 2 de Julho de 2008, data da primeira iniciativa da campanha «A Europa dos Doentes», à data-limite de 15 de Junho de 2009.

 

O comunicado informa que “os jornalistas devem enviar os seus artigos, utilizando o formulário electrónico disponível no sítio Web da campanha”, onde também se encontram as informações sobre as regras e condições aplicáveis.

 

Os 27 finalistas serão convidados a participar num seminário sobre a saúde na UE, em Bruxelas, no Outono de 2009, destinado aos meios de comunicação social, bem como na cerimónia de atribuição dos prémios, que contará com a presença da Comissária Androulla Vassiliou.

 

O primeiro prémio ascenderá a 5 000 euros, o segundo a 3 000 euros e o terceiro a 2 000 euros.

 

O prémio europeu atribuído aos jornalistas no domínio da saúde e a campanha «A Europa dos Doentes» são financiados ao abrigo do Segundo Programa de Acção Comunitária no domínio da Saúde (2008-2013).

 

O prémio pretende ser anual e o seu âmbito poderá eventualmente ser alargado de forma a incluir também os meios de comunicação audiovisuais.

 

A Comissão Europeia lança hoje o primeiro prémio da UE para jornalistas no domínio da saúde, visando em particular os artigos publicados na imprensa escrita e via Internet.

 

Este prestigiado prémio é, segundo um comunicado da Comissão Europeia emitido 17 de Fevereiro de 2009, um importante elemento da recente campanha «A Europa dos Doentes».

 

O prémio visa “distinguir e promover um jornalismo de elevada qualidade na área da saúde, em toda a Europa”, pretendendo ainda “incentivar e desenvolver o debate sobre as questões relativas à saúde na UE, em especial as iniciativas relacionadas com a campanha «A Europa dos Doentes»”.

 

A Comissária Europeia responsável pela Saúde, Androulla Vassiliou, declarou que «o prémio reconhece o papel crucial e a responsabilidade dos jornalistas ao divulgarem as acções e políticas de saúde da UE junto dos cidadãos europeus. As iniciativas desenvolvidas no âmbito da campanha «A Europa dos Doentes», como o rastreio do cancro, a segurança dos doentes, o transplante e a doação de órgãos, a utilização de antibióticos e os cuidados de saúde transfronteiriços, afectam-nos a todos e reflectem a necessidade para a Comissão de dar prioridade aos cidadãos. Espero que este prémio venha a estimular um debate tanto a nível local como nacional e europeu».

 

Serão considerados no âmbito do concurso “todos os artigos publicados na imprensa escrita ou Internet”, de 2 de Julho de 2008, data da primeira iniciativa da campanha «A Europa dos Doentes», à data-limite de 15 de Junho de 2009.

 

O comunicado informa que “os jornalistas devem enviar os seus artigos, utilizando o formulário electrónico disponível no sítio Web da campanha”, onde também se encontram as informações sobre as regras e condições aplicáveis.

 

Os 27 finalistas serão convidados a participar num seminário sobre a saúde na UE, em Bruxelas, no Outono de 2009, destinado aos meios de comunicação social, bem como na cerimónia de atribuição dos prémios, que contará com a presença da Comissária Androulla Vassiliou.

 

O primeiro prémio ascenderá a 5 000 euros, o segundo a 3 000 euros e o terceiro a 2 000 euros.

 

O prémio europeu atribuído aos jornalistas no domínio da saúde e a campanha «A Europa dos Doentes» são financiados ao abrigo do Segundo Programa de Acção Comunitária no domínio da Saúde (2008-2013).

 

O prémio pretende ser anual e o seu âmbito poderá eventualmente ser alargado de forma a incluir também os meios de comunicação audiovisuais.

 

Voltar
RSE - Area Cidadão