rastreio retinopatia diabética
Banner_SemanaTeste_2022
banners_antibioticos2022
i035812
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Mais 43 camas na RNCCI na Região do Algarve: Unidade de Cuidados Paliativos de Portimão com 10 camas, ULDM de Sta Catarina da Fte do Bispo com 33 camas

A Região do Algarve dispõe no âmbito da implementação da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados de mais 43 camas, sendo que 10 são de Cuidados Paliativos, localizadas em espaço do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, em Portimão, e 33 são de Longa Duração e Manutenção, localizadas em Santa Catarina da Fonte do Bispo, concelho de Tavira, e gerida pela Cruz Vermelha Portuguesa – Núcleo de Tavira.

Entrou em funcionamento, no passado dia 20 de Abril, a primeira Unidade de Cuidados Paliativos da Região do Algarve, com 10 camas, localizada num piso do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, em Portimão, que sofreu obras de adaptação e foi remodelado para o efeito.

 

Na passada segunda-feira, dia 18 de Maio, iniciou funcionamento a nova Unidade de Longa Duração e Manutenção de Santa Catarina da Fonte do Bispo, com capacidade de 33 camas, da Cruz Vermelha Portuguesa – Núcleo de Tavira.

 

Esta Unidade foi objecto de financiamento pelo Programa MODELAR, quer em termos de obras de adaptação, quer em termos de aquisição de equipamento, ao qual apresentou uma candidatura no montante de 178.918,10 €.

 

Com a abertura destas novas unidades dá-se continuidade à implementação da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados na Região do Algarve, passando a região a dispor de 289 camas de internamento destinadas a cuidados continuados a pessoas idosas e dependentes, sendo 50 camas de convalescença, 10 de cuidados paliativos, 46 camas para internamentos de média duração e 183 camas para internamentos de longa duração.

A Região do Algarve dispõe no âmbito da implementação da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados de mais 43 camas, sendo que 10 são de Cuidados Paliativos, localizadas em espaço do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, em Portimão, e 33 são de Longa Duração e Manutenção, localizadas em Santa Catarina da Fonte do Bispo, concelho de Tavira, e gerida pela Cruz Vermelha Portuguesa – Núcleo de Tavira.

Entrou em funcionamento, no passado dia 20 de Abril, a primeira Unidade de Cuidados Paliativos da Região do Algarve, com 10 camas, localizada num piso do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio, em Portimão, que sofreu obras de adaptação e foi remodelado para o efeito.

 

Na passada segunda-feira, dia 18 de Maio, iniciou funcionamento a nova Unidade de Longa Duração e Manutenção de Santa Catarina da Fonte do Bispo, com capacidade de 33 camas, da Cruz Vermelha Portuguesa – Núcleo de Tavira.

 

Esta Unidade foi objecto de financiamento pelo Programa MODELAR, quer em termos de obras de adaptação, quer em termos de aquisição de equipamento, ao qual apresentou uma candidatura no montante de 178.918,10 €.

 

Com a abertura destas novas unidades dá-se continuidade à implementação da Rede Nacional de Cuidados Continuados Integrados na Região do Algarve, passando a região a dispor de 289 camas de internamento destinadas a cuidados continuados a pessoas idosas e dependentes, sendo 50 camas de convalescença, 10 de cuidados paliativos, 46 camas para internamentos de média duração e 183 camas para internamentos de longa duração.

Voltar
RSE - Area Cidadão