Apoio Psicológico a utentes e profissionais covid -19
banner_receitas poéticas
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_verao&saude_sns
banner_vacinacao_covid
covid_regras_2
banner_GABINETESAUDEMENTAL_covid19_3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Ministra da Saúde anuncia Testes gratuitos do VIH/Sida para todos os utentes do SNS

imagem

Os Testes para a detecção da infecção da VIH/Sida vão passar a ser gratuitos para todos os utentes do Serviço Nacional de Saúde, anunciou a Ministra da Saúde na cerimónia oficial na segunda- feira, 1 de Dezembro, que assinalou o Dia Mundial da Luta contra a Sida. A Dra Ana Jorge revelou ainda que vão ser disponibilizadas cinco unidades móveis – uma por cada administração regional de saúde -, de modo a assegurar um acesso universal ao diagnóstico da infecção, além de proporcionarem informação e aconselhamento.

  

imagem

Os Testes para a detecção da infecção da VIH/Sida vão passar a ser gratuitos para todos os utentes do Serviço Nacional de Saúde, anunciou a Ministra da Saúde na cerimónia oficial na segunda- feira, 1 de Dezembro, que assinalou o Dia Mundial da Luta contra a Sida. A Dra Ana Jorge revelou ainda que vão ser disponibilizadas cinco unidades móveis – uma por cada administração regional de saúde -, de modo a assegurar um acesso universal ao diagnóstico da infecção, além de proporcionarem informação e aconselhamento.

  

 

Estas medidas visam «um reforço da capacidade de diagnóstico precoce do vírus, particularmente junto dos grupos mais vulneráveis», explicou a Dra Ana Jorge na sua intervenção durante uma sessão promovida pela Associação de Jovens Promotores da Amadora Saudável, que desenvolve há 10 anos o projecto «Viver com o VIH», actualmente financiado pelo programa ADIS/SIDA do Ministério da Saúde.

 

imagemNo decorrer da sessão, a Ministra da Saúde anunciou igualmente que os cheques-dentista do SNS, no âmbito do Programa Nacional de Promoção da Saúde Oral, vão alargar-se aos doentes infectados pelo VIH.

 

«O lançamento de centros de terapêutica combinada, abrangendo os diferentes programas para infectados com o vírus que, em simultâneo, são utilizadores de drogas em substituição opiácea», foi outra das medidas anunciadas.

 

Um outro aspecto relevante, lembrado pela Ministra da Saúde é «o desejo de muitos casais seropositivos ou sero-discordantes em ter filhos». Neste âmbito, o Ministério da Saúde perspectiva que os bancos de leite a criar nos hospitais públicos assegurem o leite de forma gratuita às mães portadoras da infecção pelo VIH.

 

«O fornecimento contínuo da fórmula láctea deverá ser também assegurado gratuitamente, no mínimo por 12 meses, pelas farmácias hospitalares, através de prescrição médica», sublinhou a Dra Ana Jorge.

Tendo em conta «a importância da infecção em Portugal e o facto particular de as infecções por vírus do tipo 2 terem na, nossa população, uma frequência especialmente elevada comparativamente com o resto da Europa» o que «aumentam a nossa responsabilidade na produção de conhecimento científico de índole fundamental ou aplicada», o Ministério da Saúde decidiu abrir um concurso específico para projectos de investigação em infecção VIH/sida, com um orçamento de um milhão de euros.

«Este incentivo à produção científica de qualidade terá reflexos no crescimento dos grupos de investigação que trabalham na área do VIH, seja nas ciências sociais, do comportamento, biológicas, clínicas ou da saúde pública», concluiu.

Consultar : Intervenção da Ministra da Saúde no Dia Mundial de Luta contra a Sida – 01/12/2008.

Reportagem RTP: Dia Mundial da Sida

imagem
Voltar
RSE - Area Cidadão