Apoio Psicológico a utentes e profissionais covid -19
banner_receitas poéticas
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_verao&saude_sns
banner_vacinacao_covid
covid_regras_2
banner_GABINETESAUDEMENTAL_covid19_3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Progressos na investigação cardiovascular e importância do trabalho em equipa em debate no XXXIII Congresso Português de Cardiologia em Vilamoura

congresso_spc_2012.jpgSob o lema «reunir em equipa para proteger e tratar o coração», o XXXIII Congresso Português de Cardiologia, reúne cerca de 1800 profissionais de saúde nacionais e internacionais, entre os dias 22 e 24 de Abril de 2012, no Tivoli Marina Hotel, em Vilamoura, com «um programa cientifico inovador» com o objetivo de dar a conhecer os mais recentes progressos na área investigação cientifica cardiovascular e simultaneamente debater a importância da interação entre cardiologistas, médicos de família e enfermeiros «num reforço de trabalho em equipa multidicisplinar mais eficaz» para, em conjunto, assegurarem um melhor diagnóstico, tratamento e prevenção das doenças cardíacas.

congresso_spc_2012.jpgSob o lema «reunir em equipa para proteger e tratar o coração», o XXXIII Congresso Português de Cardiologia, reúne cerca de 1800 profissionais de saúde nacionais e internacionais, entre os dias 22 e 24 de Abril de 2012, no Tivoli Marina Hotel, em Vilamoura, com «um programa cientifico inovador» com o objetivo de dar a conhecer os mais recentes progressos na área investigação cientifica cardiovascular e simultaneamente debater a importância da interação entre cardiologistas, médicos de família e enfermeiros «num reforço de trabalho em equipa multidicisplinar mais eficaz» para, em conjunto, assegurarem um melhor diagnóstico, tratamento e prevenção das doenças cardíacas.

 

 

A Cerimónia oficial de abertura do congresso, contou com a presença do Coordenador Nacional do Programa das Doenças Cardiovasculares, Dr. Rui Cruz Ferreira, em representação do Ministro da Saúde, Dr. Paulo Macedo, do Presidente da Comissão organizadora do congresso, Prof. Doutor Lino Gonçalves, do Presidente da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, Prof. Doutor Mário Lopes e do Presidente da Sociedade Europeia de Cardiologia, Prof. Michael Komajda.

 congresso_spc_lino_goncalves.jpg

No decorrer da intervenção inaugural, o Presidente do XXXIII Congresso Português de Cardiologia, Prof. Doutor Lino Gonçalves, referindo que «este é o maior evento de educação médica continuada na área da Medicina Cardiovascular realizado em Portugal», destacou que nesta edição irão manter os «tradicionais níveis de qualidade e exigência» mas apostando «na inovação e nas novas tecnologias», tais como, «os cartazes electrónicos, o fórum de discussão electrónico dos  trabalhos originais, a simulação biomédica, a  transmissão online  em  direto e em  diferido  de  numerosas sessões, inclusivamente com a transmissão em direto para  o Brasil  dos  dois  Simpósios Luso-Brasileiros, bem como uma presença regular no Facebook e no Twitter».

 

congresso_spc_mario_lopes.jpgNo mesmo âmbito, o Presidente da Sociedade Portuguesa de Cardiologia, Prof. Doutor Mário Lopes, dando as boas vindas a todos os participantes, congratulou a comissão organizadora pelo «excelente programa», sublinhando que no decorrer do congresso irão ter a possibilidade de conhecer «os mais recentes avanços na investigação científica em Medicina Cardiovascular e rever, atualizando, os conhecimentos em Cardiologia, com uma ênfase particular nas normas de orientação  clínica que cada  vez mais  fazem  parte da nossa prática do dia-a-dia».

 

Por seu lado, o Presidente da Sociedade Europeia de Cardiologia, Prof. Michael Komajda, elogiou o trabalho que tem sido realizado ao longo dos anos pela Sociedade Portuguesa de Cardiologia e dando como exemplo o «fantástico trabalho desenvolvido pela comissão organizadora e a sua equipa» que culminou com o «inovador e ambicioso» programa deste congresso.

 

 

congresso_spc_2012_3.jpgNa sua intervenção o Coordenador Nacional para as Doenças Cardiovasculares, felicitou a Sociedade Portuguesa de Cardiologia e a comissão organizadora deste congresso, desejando que «atinja todas as expectativas» e que «dê um contributo positivo nesta área tão importante da saúde em Portugal», terminando com uma palavra de incentivo a todos os presentes reforçando que «perante os tempos difíceis que vivemos, temos que ter uma atitude ativa e é essa atitude que devemos cultivar» para «ultrapassar as dificuldades».

 

Durante a sessão inaugural, que contou com a presença do Presidente do Conselho Diretivo da ARS Algarve IP, Dr. Martins dos Santos, procedeu-se à entrega dos Prémios e Bolsas, assim como  os  diplomas de  25 anos  de  sócio,  com a apresentação   do Prof.  Doutor Armando  Pereirinha, Secretário Geral da Sociedade Portuguesa de Cardiologia.

 

congresso_spc_2012_5.jpgDe referir que o XXXIII Congresso Português de Cardiologia irá decorrer até ao dia 24 de Abril com a realização de diversas conferências e apresentações dedicadas ao melhor da investigação portuguesa na área cardiovascular e as mais recentes indicações para tratamento das doenças do coração, nomeadamente, o tratamento do Enfarte Agudo do Miocárdio em Portugal; os Custos com a Saúde na área cardiovascular e as imposições da Troika; as Novidades e Avanços em Cardiologia; as novas formas de alimentação para prevenção cardiovascular; o tratamento dos muito idosos; novos fármacos para tratamento das doenças do coração e muitos outros temas ligados à saúde cardiovascular e à realidade nacional.

 

Mais informações consultar site: XXXIII Congresso Português de Cardiologia

congresso_spc_2012.jpg
Voltar
RSE - Area Cidadão