rastreio retinopatia diabética
Banner_SemanaTeste_2022
banners_antibioticos2022
i035812
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Reorganização de serviços do CS Lagos melhora acessibilidade a cuidados médicos

imagem

A reorganização dos serviços de cuidados de saúde prestados no Centro de Saúde de Lagos permite atualmente que todos os utentes do concelho tenham acesso aos cuidados médicos sempre que necessitem, mesmo não tendo médico de família. Este resultado positivo foi apresentado durante a visita de trabalho efetuada pelo Conselho Diretivo da Administração Regional de Saúde do Algarve, no dia 21 de janeiro de 2013, às unidades de cuidados de saúde do Centro de Saúde de Lagos, tendo contado com a presença da Diretora Executiva do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Barlavento, Dra. Rosa Gonçalves e do Presidente da Câmara de Lagos, Dr. Júlio Barroso.

imagem

A reorganização dos serviços de cuidados de saúde prestados no Centro de Saúde de Lagos permite atualmente que todos os utentes do concelho tenham acesso aos cuidados médicos sempre que necessitem, mesmo não tendo médico de família. Este resultado positivo foi apresentado durante a visita de trabalho efetuada pelo Conselho Diretivo da Administração Regional de Saúde do Algarve, no dia 21 de janeiro de 2013, às unidades de cuidados de saúde do Centro de Saúde de Lagos, tendo contado com a presença da Diretora Executiva do Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Barlavento, Dra. Rosa Gonçalves e do Presidente da Câmara de Lagos, Dr. Júlio Barroso.


  

O Presidente da ARS Algarve IP, Dr. Martins dos Santos, e a vogal do Conselho Diretivo, Dra. Ana Costa, foram ao encontro dos profissionais de saúde no Centro de Saúde de Lagos e nas respetivas extensões de saúde daquele concelho, com o intuito de analisarem, in loco, a acessibilidade dos utentes e a necessidade de requalificação e de melhorias no âmbito do processo de reestruturação e de reorganização dos serviços de saúde na Região.

 

A Diretora Executiva do ACES Central, Dra. Rosa Gonçalves, realçou que o trabalho efetuado pelos profissionais de saúde no Concelho de Lagos está a contribuir para que seja dada «uma resposta a toda a gente», explicando que os utentes são sempre atendidos pelos médicos que aí exercem, clínicos gerais e especilistas de Medicina Geral e Familiar.

 

«O que interessa é que todos são tratados da mesma maneira e têm os mesmos direitos. O utente que vai ao Centro de Saúde de Lagos é atendido, é o espírito deste Centro de Saúde», realçou Dr. Carlos Filipe, membro do Conselho Clínico do ACES Barlavento.

 

imagem

Numa lógica de reforçar a ligação interinstitucional, como recentemente se realizou no caso da requalificação da Extensão da Guia (ACES Central), esta visita ao concelho de Lagos também teve como objetivo sensibilizar a autarquia para a importância de um esforço conjunto em parceria para assegurar o conforto dos utentes que recorrem aos serviços das Extensões de saúde da ARS Algarve, incorporadas em algumas Juntas de Freguesia, existindo áreas de intervenção que poderão ser partilhadas entre as entidades, como por exemplo pintura interior ou exterior, colocação de ecrãs televisivos ou instalação de sistemas de climatização.

 

No seu discurso de encerramento da visita, o Presidente da ARS Algarve, IP, Dr. Martins dos Santos, realçou o papel da Administração Regional de Saúde do Algarve como o gestor máximo dos serviços de saúde primários mas também hospitalares da Região. Explicou que a eventual criação do Centro Hospitalar do Algarve irá trazer vantagens em termos de eficiência, centralização de compras, ganhos em economia de escala e gestão de recursos humanos, para a saúde no Algarve.

 

«Vai melhorar a capacidade negocial e contribuir para a redução da despesa de forma que possamos investir esse ganho em mais recursos humanos para reforçar e colmatar graves deficiências assistenciais na Região», sublinhou. Outra vantagem importante será tornar o Algarve mais autossuficiente em termos de serviços de saúde, reforçando algumas especialidades no âmbito hospitalar, acabando desta forma com deslocações de utentes para outras instituições de saúde fora da Região.

imagem
Voltar
RSE - Area Cidadão