rastreio retinopatia diabética
Banner_SemanaTeste_2022
banners_antibioticos2022
i035812
folheto_rastreio_retinopatia_BANNER2
banners_site2017_mamografia3
banner_obrigado_covid19
previous arrow
next arrow

Sessões de Colheita de Sangue no Algarve «Não dê Férias à Dádiva de Sangue no Algarve»

O Instituto Português do Sangue, IP e a Associação de Dadores de Sangue do Barlavento do Algarve, vão levar a cabo um programa de Sessões de Colheita de Sangue no Algarve com o objectivo de proporcionar aos residentes o acesso fácil à dádiva de sangue e, simultaneamente, tirar proveito dos numerosos eventos que atraem milhares de visitantes à região algarvia durante o Verão.

Este projecto, inédito, denominado «Não dê Férias à Dádiva de Sangue no Algarve» irá contribuir para que o IPS possa continuar a manter as suas reservas de sangue, numa época do ano em que, por razões sobejamente conhecidas, as necessidades em Componentes de Sangue aumentam e as colheitas diminuem.

 

O programa irá abranger todo o Algarve, desde Vila Real de Santo António a Aljezur, até ao final de Agosto, com horários ao final da tarde. A primeira acção irá decorrer no dia 17 de Julho, na Praça Marquês de Pombal em Vila Real de Santo António, durante a Mostra de Artesanato de Verão, entre as 17:30 e as 21:00 horas.

 

imagemNo decorrer das sessões vão ser utilizadas duas Unidades Móveis de Colheita de Sangue (UMCS) recentemente inauguradas. A UMCS 1 vai estar ao serviço de toda a região algarvia. A Unidade 2 ficará estacionada no recinto da FATACIL, onde a ADSBA já participa em colheitas desde 1996. Durante todo o certame, entre 23 até 31 de Agosto, decorrerão campanhas de divulgação e sensibilização, com distribuição de material informativo.

 

Participam, neste projecto, os técnicos do IPS – Serviços Centrais e Centro Regional do Sangue de Lisboa, do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio e da ADSBA. No total, vão estar envolvidos cerca de 50 profissionais, incluindo médicos, enfermeiros, auxiliares, administrativos e outros técnicos ligados à promoção da iniciativa.

 

imagemConsultar as acções de sensibilização e o cronograma das sessões de colheita. (223Kb)

O Instituto Português do Sangue, IP e a Associação de Dadores de Sangue do Barlavento do Algarve, vão levar a cabo um programa de Sessões de Colheita de Sangue no Algarve com o objectivo de proporcionar aos residentes o acesso fácil à dádiva de sangue e, simultaneamente, tirar proveito dos numerosos eventos que atraem milhares de visitantes à região algarvia durante o Verão.

Este projecto, inédito, denominado «Não dê Férias à Dádiva de Sangue no Algarve» irá contribuir para que o IPS possa continuar a manter as suas reservas de sangue, numa época do ano em que, por razões sobejamente conhecidas, as necessidades em Componentes de Sangue aumentam e as colheitas diminuem.

 

O programa irá abranger todo o Algarve, desde Vila Real de Santo António a Aljezur, até ao final de Agosto, com horários ao final da tarde. A primeira acção irá decorrer no dia 17 de Julho, na Praça Marquês de Pombal em Vila Real de Santo António, durante a Mostra de Artesanato de Verão, entre as 17:30 e as 21:00 horas.

 

imagemNo decorrer das sessões vão ser utilizadas duas Unidades Móveis de Colheita de Sangue (UMCS) recentemente inauguradas. A UMCS 1 vai estar ao serviço de toda a região algarvia. A Unidade 2 ficará estacionada no recinto da FATACIL, onde a ADSBA já participa em colheitas desde 1996. Durante todo o certame, entre 23 até 31 de Agosto, decorrerão campanhas de divulgação e sensibilização, com distribuição de material informativo.

 

Participam, neste projecto, os técnicos do IPS – Serviços Centrais e Centro Regional do Sangue de Lisboa, do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio e da ADSBA. No total, vão estar envolvidos cerca de 50 profissionais, incluindo médicos, enfermeiros, auxiliares, administrativos e outros técnicos ligados à promoção da iniciativa.

 

imagemConsultar as acções de sensibilização e o cronograma das sessões de colheita. (223Kb)

imagem
Voltar
RSE - Area Cidadão